m12 2018
CIDADE DE DEUS
A conquista do território
São Paulo, Sexta-feira, 19 de Janeiro de 2018
igreja em celulasvisão celulas
Palavra
23/03/2016
A escolha de Deus

I Coríntios 1:27

A escolha de Deus é diferente, na maioria das vezes, da escolha do homem. Ele não escolhe pela aparência nem pela capacidade. Deus não escolhe os capacitados, mas capacita todos aqueles que respondem ao chamado, pois todos são chamados, mas os escolhidos são aqueles que respondem.

A pergunta nesta noite é a seguinte: Eu posso agir conforme Deus age? E a resposta é: Claro que sim! Devemos copiar o nosso Senhor em tudo. Ele é o Parâmetro a ser seguido.

Apóstolo Paulo disse que de­víamos imitá-lo, assim como ele imitava ao Senhor. "Sede meus imitadores, como também eu, sou de Cristo." (I Coríntios 11:1)

Partindo desse princípio, quero estudar com você a escolha de Deus. Quando pensamos na palavra escolha, o primeiro verso da Escritura Sagrada que nos vem a mente é: "Mas Deus ESCOLHEU as COISAS LOUCAS deste mundo para confundir as sábias; e Deus ESCOLHEU as COISAS FRACAS deste mundo para confundir as fortes." (I Coríntios 1:27)

1. Deus ESCOLHEU as coisas LOUCAS deste mundo

Que Deus Extraordinário! Alegro-me por Ele não ter escolhido os fortes, os poderosos, os nobres, mas as coisas loucas. E o Seu propósito, é claro, foi confundir os sábios. E confundiu! E confunde até hoje!

Até hoje os sábios, segundo a carne, não enten­dem como Deus usa alguém que, aparentemente, não tem muito ou nada a oferecer, mas... "Ele levanta do pó o pobre, e do monturo ergue o necessitado, para o fazer sentar com os príncipes, sim, com os príncipes do seu povo." (Salmo 113:7,8)

As pessoas não entendem como Deus pode fazer uma coisa dessas. São muitos os sábios, homens e mu­lheres altamente capacitados, porém sua conquista não reflete tal capacitação. E Deus escolhe aquele ou aquela que, aos olhos de todos ou aos olhos da pessoa escolhida, não tinha capacidade alguma para cumprir o chamado.

E mais, Ele escolhe e faz assentar com os prínci­pes do Seu povo. Meus amados, se alguém se acha muito capacitado e não entende o porquê de não desatar, não multiplicar, penso que esta pessoa deveria buscar conhecer mais a Deus, e abrir mão do seu 'conhecimento como ferramenta principal', e deixar Deus ensiná-la o caminho da humildade.

Agora, se sabemos que não possuímos capacidade em nós mesmo, e entendemos que o que Deus tem para nossa vida é grande demais para alguém como eu e você, quero reafirmar esses pensamentos, pois eles são verdadeiros. Nós realmente não possuímos capacidade para cumprir essa missão; ela é grande demais para nós.

Porém, Deus nos ESCOLHEU, e Ele vai nos usár. Ele vai fazer a obra através de mim e de você. Acre­dite e vá em frente, a batalha não é sua somente, a obra é dEle, e Ele vai cumprir o desígnio para o qual eu e você fomos criados.

A obra realmente é grandiosa demais, e Deus precisa de vasos vazios, para que Ele possa encher. Quando alguém está cheio demais de si próprio, Deus não pode agir.

Esvazie-se a si mesmo, como Jesus fez, para cum­prir o Chamado. "... mas esvaziou-se a si mesmo, tomando a forma de servo, tornando-se semelhante aos homens." (Filipenses 2:7)

Deus escolheu as coisas FRACAS, para confundir as fortes. E interessante ver a forma de Deus agir. Ele es­colhe as coisas loucas, as fracas. Por que motivo? Para que ninguém se glorie. A glória é de Deus!

Quando Ele escolhe alguém como eu e você, que sabemos não es­tarmos capacitados, pois não temos capacidade em nós mesmos para realizar Sua obra, então, faz-se necessário que nos esvaziemos de tudo e nos entreguemos em Suas mãos, para que Ele nos use, e, depois de tudo, glorifi­carmos o Seu Nome. Porque sabemos que dEle, por Ele e para Ele são todas as coisas.

Assim é a escolha de Deus, Ele não escolhe pela aparência nem pela capacidade. Costumamos dizer uma frase muito conhecida no meio dos evangélicos, porém pouco praticada por nós quando vamos realizar nossas escolhas. "Deus não escolhe os capacitados em si mesmos, mas capa­cita a todos que nele confia e se prontifica a servi-lo".

A frase é verdadeira, mas, sinceramente, não en­tendo o porquê de nós na formação da nossa equipe querermos escolher aqueles que são, de alguma forma, capacitados. Creio que é porque capacitar alguém dá muito trabalho, logo pensamos que seria melhor se a pessoa já estivesse pronta.

Discípulo não nasce pronto, por isso é DISCÍPULO, aquele que aprende com..., essa é a etimologia da palavra. Ser discípulo de alguém é aprender com esse alguém.

Jesus disse que devemos ir por todo o mundo e fazer discípulos, ou seja, treinar pessoas, capacitar pessoas, ensinar pessoas. E disse que devemos fazer isso em todas as nações.

O discípulo é um eterno aprendiz. O dia em que ele para de aprender, deixou de ser discípulo. Se você acha que já sabe tudo, e que não precisa aprender mais nada com seu líder, é porque você já não é mais discípulo.

Em todo o tempo estamos aprendendo. Somos discípulos! Todo aquele que se afasta do seu discipulador, e não se alimenta mais da fonte que emana do líder, perde o direito a mesma unção.

Quando estamos juntos do líder, bebendo da sua fonte, nós nos alimentamos daquilo que Deus dá para ele. E não se engane, não é porque Deus dá a você também, que você não precisa mais do seu discipulador.

Esse é, inclusive, um dos motivos pelos quais existem muitos líderes que deveriam já ter uma conquista maior, mas não querem estar perto do seu líder, não querem se submeter.

No discipulado, é fundamental compreender que existem coisas que Deus dá para o discípulo, mas outras Ele dá ao líder, para que o líder dê ao discípulo. Deus res­peita a hierarquia e o pastoreio.

Todo Pastor precisa ter outro Pastor para o apas­centar. Todo líder precisa de outro líder. Quando você segue alguém, é discípulo e decide caminhar junto, você é alimentado pela fonte daquela pessoa. Tudo que Deus entrega para o líder, você também estará recebendo.

Quero encerrar esta palavra reforçando, relem­brando a resposta à pergunta do início. SIM! Eu posso e devo imitar a Deus. E Deus escolhe os que são e os que não são! Ele também escolhe os não se acham capacitados para fazer Sua obra, os desprezíveis. Eu também posso escolher assim!

Com certeza, perto de você estão as pessoas que vão impactar uma multidão. Você precisa detectá-las, es­colhê-las, descobrir onde elas estão e decidir TREINAR essas pessoas.

Discípulo não nasce pronto, ele é treinado! Pessoas não nascem salvas, elas precisam ser salvas!

 

Deus abençoe!

 

 

 

 

 
Imprimir
 
Compartilhe:
 
Comentarios:
 
TV IACC

Broadcast live streaming video on Ustream

Programação ao vivo

<p>- Domingo: 09:30hs e 18hs - Culto da Fam&iacute;lia<br />
&nbsp;</p>

 

Cultos anteriores | Canal de Videos

Redes Sociais
 Compartilhe:
 

IGREJA APOSTÓLICA CORPO DE CRISTO MINISTERIO PENHA - Tel: 2957-0551 -Email: iacc@iacc12.com.br - Endereço: Rua intiguçu 2601 - São Paulo SP Todos os direitos reservados - 2005 - 2013 - Webdesign