m12 2018
CIDADE DE DEUS
A conquista do território
São Paulo, Sbado, 21 de Abril de 2018
igreja em celulasviso celulas
Estudo para os 12
20/02/2017
Tema: Uma Vida Comprometida com Deus

Mateus 25:14 a 46

A parábola dos talentos, de forma revelada, fala essencialmente sobre compromisso. Não há como construirmos nada na vida, sem que haja compromisso.

Sem compromisso não se constrói uma família, nem uma carreira profissional de êxito, nem tampouco um bom testemunho cristão.

Há pessoas no seio da igreja vivendo um evangelho equivocado e vazio, pois estas pessoas conhecem de fato à Cristo, mas seu compromisso é só com elas mesmas. Vivem um evangelho egocêntrico, que nada tem a ver com Cristo. O verdadeiro evangelho de Cristo é Cristocêntrico, ou seja, é um evangelho de comprometimento com a vontade de Cristo e não só a do próprio homem.

Compromisso significa: envolvimento com a vontade, ou a necessidade de outrem. (Ex.: fazer a vontade de Deus, do seu cônjuge, do seu patrão etc).

É o contrário de vivermos fazendo só a nossa própria vontade, para uma entrega total à Deus. Como o maior exemplo disto, temos Jesus no Getsêmani dizendo ao Pai: Se possível passa de mim este cálice, contudo não seja como eu quero, mas sim como tu queres. Mateus 26:42.

A parábola dos talentos é um alerta sobre o perigo de conhecermos à Deus e não nos entregarmos a sua vontade que é, (1) que vivamos o evangelho, e (2) que o preguemos a toda criatura.

Mateus 25, conta que um homem rico, entregou seus bens a três de seus servos e ausentou-se do país. Ao retornar, o senhor resolveu pedir contas do que cada um havia feito com os bens que ele lhes havia confiado.

Três revelações são extraídas deste texto:

1. Todos receberam talentos e também a missão de multiplicá-los.

Apesar das quantias serem diferentes, todos receberam talentos. Mesmo o que recebeu apenas um talento, recebeu algo valioso que podia ser multiplicado.

Semelhantemente, todos nós recebemos de Cristo a missão de ganhar vidas e dons do seu Espírito para que o façamos.

Na igreja alguns recebem uma medida de fé maior, outros uma menor, mas todos igualmente têm a mesma missão e alguma capacitação para ganhar novas vidas para Jesus. (Todos os que creem tem uma unção, um testemunho pessoal, e o conhecimento da palavra, da qual o mundo tanto precisa).

2. Deus deseja que os talentos sejam multiplicados.

Ao voltar, o homem rico honrou igualmente os servos que multiplicaram os talentos, tanto o que recebeu 5, como o que recebeu 2, foram recompensados por seu senhor.

Independente de quantidade, ganhar almas é algo extremamente precioso aos olhos de Deus, e digno de recompensa como nos promete a palavra. Indiretamente a Bíblia diz que uma alma vale mais que o mundo todo, por isso não devemos ser alheios ou negligentes na missão de anunciar a Cristo.

Temos da parte de Deus o mandamento de levar a palavra do Senhor aos perdidos, como está escrito: Ide e pregai o evangelho à toda criatura. Mc. 16:16.

3. Deus nos cobrará quanto ao que fizemos com os talentos.

Todos os servos que receberam talentos, foram cobrados pelo que fizeram com eles. Receber talentos espirituais é receber uma responsabilidade em relação ao mundo.

O maior talento que Jesus nos entregou é o conhecimento da verdade. Não podemos ficar com esta verdade salvadora, guardada só para nós mesmos. Precisamos levá-la a outros, caso contrário seremos chamados por Jesus na sua vinda, de servos maus e negligentes, como ocorre no vs. 26.

Também 2 Coríntios 5: 10 diz: Porque importa que todos nós compareçamos perante o tribunal de Cristo, para que cada um receba segundo o bem ou o mal que tiver feito por meio do corpo. (O corpo é a igreja, onde temos um chamado ao ministério).

Por que não podemos brincar de ser cristãos e ficar enterrando os talentos?

1. Somos tratados por Deus com muito amor e generosidade.

O Senhor nos dá paz, saúde, proteção, uma família, prosperidade, além do maior de todos os bens que é a Vida Eterna. (Ele nos ama e confia em nós). Por isso é justo nos esforçarmos por agradá-lo, fazendo o que Ele nos manda: Dar de graça o que de graça recebemos. (Mateus 10:8).

2. Não sabemos quando o Senhor voltará. Quando Ele vier, nos pedirá contas do que fizemos com a unção.

Reflita por um momento: Se Jesus voltasse hoje, precisamente agora, o que você teria para apresentar a Ele? Um carro, um emprego, uma empresa ou vidas salvas através de sua fé?

3. Devemos temer, porque a falta de fruto na Bíblia é cumulada de juízo.

A figueira descrita em Marcos 11 que não tinha frutos, foi amaldiçoada por Jesus e secou, também o servo, que negligentemente enterrou o talento, ouviu o seguinte: E o servo inútil, lançai-o para fora nas trevas. Ali haverá choro e ranger de dentes. (Mateus 25:30).

Há muitos talentos de Deus em sua vida, como a fé, a unção e o amor, decida usar diligentemente cada um deles para que muitas vidas alcancem o Céu, e para que no dia do aceito de contas, você não fique envergonhado (a) mas ouça: Vinde benditos de meu Pai e entrai na posse do reino que vos está preparado desde a fundação do mundo. (Mt.25:34)

Ministração: proponha uma reflexão sobre a possibilidade de haver talentos enterrados na vida de cada pessoa que está hoje no discipulado.

Diga que este é um momento oportuno para arrependimento e para um pedido de perdão, para que estes talentos possam ser desenterrados e usados novamente.

Determine que todos orem dizendo: Senhor Jesus Cristo, me ensine e me capacite a usar bem todos os talentos que há em minha vida, para que muitas vidas entrem no teu reino ENDJ, amém.

Deus os abençoe e multiplique extraordinariamente conforme a promessa ENDJ. Amamos vocês. Aps. Fábio e Claudia A. Abbud.

     

Por favor transmitam esta ministração aos Pastores de aliança e aos discípulos de 1ª, 2ª, 3ª e 4ª gerações.

 
Imprimir
 
Compartilhe:
 
Comentarios:
TV IACC

Broadcast live streaming video on Ustream

Programação ao vivo

<p>- Domingo: 09:30hs e 18hs - Culto da Fam&iacute;lia<br />
&nbsp;</p>

 

Cultos anteriores | Canal de Videos

Redes Sociais
 Compartilhe:
 

IGREJA APOSTÓLICA CORPO DE CRISTO MINISTERIO PENHA - Tel: 2957-0551 -Email: iacc@iacc12.com.br - Endereço: Rua intiguçu 2601 - São Paulo SP Todos os direitos reservados - 2005 - 2013 - Webdesign