m12 2017
Família
Plano Divino para Reformar as geografias.
São Paulo, Sábado, 16 de Dezembro de 2017
igreja em celulasvisão celulas
Esboço para célula
24/10/2017
Cartas vivas ao mundo

2 Coríntios 3:1-11

Nesta carta escrita primariamente à igreja de Coríntios e depois para nós, vemos o Espírito Santo através do apóstolo Paulo zelando para que falsas ideias, lançadas por falsos apóstolos, pastores e mestres não fragilizem a fé dos discípulos e nem maculassem a relação de paternidade e autoridade que o Apóstolo Paulo exercia em relação a aqueles discípulos.

O Apóstolo Paulo lhes desperta, dizendo que eles são um testemunho vivo, fruto do amor dele associado ao poder de Deus, os quais fizeram deles pessoas transformadas em cartas vivas, que continham a mensagem genuína do evangelho de Cristo.

Este texto nos reforça a doutrina Bíblica, fazendo um paralelo entre a primeira aliança feita com Moisés e a segunda feita por Jesus.

A primeira aliança estava baseada nos dez mandamentos escritos em tábuas de pedra por Deus e dados a Moisés. Esta aliança, chamada de, A Lei, visava tratar com a dureza do coração do homem e preparar a consciência quanto a necessidade de um salvador. Os homens daquela época, não conseguiram cumprir totalmente a Lei, era difícil de cumprir, uma vez quebrada, ela trazia consigo condenação e morte.

A segunda aliança pôde ser estabelecida a partir do momento em que Jesus, o filho de Deus veio ao mundo, e por sua natureza firme, fiel e comprometida, pôde cumprir toda a Lei. Ele mesmo disse: Não penseis que eu vim para revogar a lei, mas vim para cumpri-la. Embora fosse muito difícil, Ele demonstrou que era possível.

Jesus cumprindo a lei e dando sua vida por nós na cruz, fez o que não poderíamos fazer, pagou a dívida do pecado que nós não poderíamos pagar, e através de seu sangue derramado, fez uma nova aliança com todos aqueles que o confessam como Senhor e salvador. Esta segunda aliança chama-se graça, que quer dizer favor imerecido.

O perdão que recebemos em Cristo, não só nos livra da culpa, mas também nos transforma em filhos de Deus pela presença e pelo poder do Espírito Santo, que passam a agir em nós. No versículo 3 diz: estando já manifestos como carta de Cristo, produzida pelo nosso ministério, escrita não com tinta, mas pelo Espírito do Deus vivente, não em tábuas de pedra, mas em tábuas de carne, isto é, nos corações.

Aprendemos aqui que após termos um encontro pessoal com Cristo, seus mandamentos são escritos em nosso coração e que também do Senhor, recebemos o desejo e a capacitação para cumpri-los pelo poder do Espírito Santo.

Precisamos ter consciência de que todo dom perfeito vem dEle, e por isso não precisamos de cartas de recomendação, títulos ou posições, o que precisamos é buscar ser modelo. Modelos de uma fé com obras, pois nosso caráter transformado, transmitido por boas atitudes, será sempre o nosso respaldo vindo de Deus.

O véu foi retirado de nossos olhos, agora conhecemos a santidade de Deus, que se manifesta em nós quando o contemplamos. Não estamos mais sob a condenação da lei, mas vivemos pela graça que nos redime e faz fortes em momentos difíceis.

Nós como cartas vivas, segundo a visão bíblica, devemos anunciar a mensagem do evangelho que reflete vida, amor, arrependimento, perdão, santidade, fidelidade, honra, perseverança, esperança e fé. Não com persuasão de palavras, mas com demonstração do poder do Espírito Santo!

Recebemos de Deus a comissão de anunciar essa nova aliança, não na letra, mas do Espírito Santo, ou seja, não por meio de teorias, mas segundo o discernimento e o poder do Espírito, os quais produzem salvação e transformação de vidas.

Aqui na Célula com parte da Igreja Apostólica Corpo de Cristo, fazemos parte de um rebanho e também de um exército, onde os líderes são os apóstolos Eliezer e Zenita Moreira. Assim como o Apóstolo Paulo ensinava, discipulava e exortava as igrejas, eles hoje, fazem o mesmo conosco. Seus 12 e todas as gerações foram enviados a exercer este chamado lindo, e não levamos conosco cartas escritas por eles, mas levamos no coração o mesmo objetivo, nos lábios a mesma linguagem, temos uma aliança, os representamos e por eles somos respaldados para vencer.

Reconhecendo a cobertura que temos, recebemos ainda mais respaldo e autoridade! Pelo testemunho e pela pregação, todos sabiam naquela época, quem eram os discípulos do apóstolo Paulo.

Precisamos ser a "carta viva" conhecida e lida por todos os homens! Não se deixe levar por qualquer engano, não esmoreça, não retroceda, avance, receba a liberdade do Espírito da promessa e seja luz! Seja o exemplo vivo para aqueles que ainda tem seu rosto coberto pelo véu, sem entendimento e presos as religiões mortas e doutrinas de homens!

Para isto estamos hoje numa célula, para pregar as boas novas do perdão e da salvação que há em Jesus o Cristo. Estamos aqui para aliviar os que estão cansados e sobrecarregados e ajudar os que se sentem vazios a serem cheios do Espírito Santo.

Todos vocês que estão aqui são muito amados por Deus e por nós, fomos trazidos aqui por Ele para receberemos mais da Sua palavra e de Seu amor, também para compartilharmos muitas bênçãos e continuarmos escrevendo a história, afinal somos como a igreja de atos dos apóstolos.... Somos as cartas vivas de Cristo ao mundo!

Prática

  • Fazer o apelo e orar pelos novos. 
  • Orar pelas metas das células.
  • Ler os avisos da semana.

Atenção: Próximo domingo será o culto do amigo, cada discípulo deve trazer uma pessoa, seja da família, seja amigo ou conhecido! Estabeleçam agora na célula quantos vocês vão levar no culto!

 

Amamos vocês!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 
Imprimir
 
Compartilhe:
 
Comentarios:
 
TV IACC

Broadcast live streaming video on Ustream

Programação ao vivo

<p>- Domingo: 09:30hs e 18hs - Culto da Fam&iacute;lia<br />
&nbsp;</p>

 

Cultos anteriores | Canal de Videos

Redes Sociais
 Compartilhe:
 

IGREJA APOSTÓLICA CORPO DE CRISTO MINISTERIO PENHA - Tel: 2957-0551 -Email: iacc@iacc12.com.br - Endereço: Rua intiguçu 2601 - São Paulo SP Todos os direitos reservados - 2005 - 2013 - Webdesign