m12 2018
CIDADE DE DEUS
A conquista do território
São Paulo, Quinta-feira, 21 de Junho de 2018
igreja em celulasvisão celulas
Devocional
01/09/2010
Propósitos do coração

 


A Bíblia diz: ....Sobre tudo o que se deve guardar, guarda o  coração, pois dele procedem as fontes da vida. Prov. 4: 23.
 
Este texto mostra que existem coisas que se deve guardar, fica evidente que devemos guardar coisas boas e descartar as ruins; devemos guardar coisas que nos dê esperanças, alegrias, paz, cura, prosperidade, estabilidade, etc. Devemos guardar também nossa vida espiritual, nosso casamento, nossos filhos, ministério, família, etc.
 
O texto acima diz que de tudo o que se deve guardar, primeiro devemos guardar nosso coração, pois dele procedem as fontes da vida. Tudo o que eu preciso para vencer e ser feliz está no coração, então eu preciso protegê-lo, não posso deixá-lo ser contaminado, pois nele está a fonte para a vida que regerá minha história.
 
Jesus disse que a boca fala àquilo que está no coração, a bíblia diz que da minha boca procede à vida ou a morte, a paz ou a guerra e se eu controlar a minha língua, controlarei também todo o meu corpo. Segundo o profeta Jeremias, devo trazer à minha mente aquilo que me dá esperança e, sabemos que aquilo que eu penso, desce para o coração e aquilo que desce ao coração é aquilo que eu falo e, segundo este princípio espiritual; eu sou  resultado das minhas palavras.
 
Sem sombra de dúvidas esta é uma questão absolutamente resolvida no plano de Deus, para nós: O nosso coração é o lugar das nossas conquistas, ou dos nossos fracassos, das nossas alegrias ou das nossas tristezas!
 
Pensando assim o Senhor nesse texto específico nos orienta a guardar o nosso coração. Isso porque o nosso coração possui uma chave que só pode ser acionada de dentro para fora! Ninguém pode violá-lo, nem mesmo do diabo o pode. Em apocalipse 3:20 diz que Jesus está batendo na porta, se eu abrir Ele entra e tem comunhão comigo, se eu não abrir ele ficará do lado de fora da minha vida.
 
O diabo é sutil, ele vem com enganos e mentiras para que sem apercebermos, abramos a porta do nosso coração para ele entrar. O pecado tem sido a chave para o maligno ter acesso ao nosso território. O pecado vem de mansinho e aos poucos vamos nos acostumando e dando lugar para ele entrar. Precisamos guardar o nosso coração para não vivermos na prática do pecado como se fosse normal, precisamos guardar a Palavra do Senhor em nosso coração (Salmos 119:11).
 
Meditando nestas coisas tenho chegado à conclusão de que é impossível vivermos os desafios de uma vida com Deus, de uma vida familiar equilibrada, de um ministério frutífero sem desenvolvermos comunhão uns com os outros; porque o nosso coração de onde procedem as fontes da vida, também é enganoso! (Jeremias 17:9). Assim sendo, precisamos com urgência, desenvolvermos essas estruturas que nos permita: prestar contas, uns aos outros! Ninguém pode viver sozinho, não podemos viver em uma ilha ou construir muros ao nosso redor, se o fizermos estaremos isolados e isso é ruim! Precisamos uns dos outros!
 
A nossa independência, pode nos causar mais prejuízos do que acertos, se não soubermos lidar com ela. Nenhuma independência pode ser vivida de maneira absoluta: precisamos uns dos outros! O caminho segundo o modelo de Cristo é o discipulado e sua base está no relacionamento e, relacionamento gera consolidação e consolidação gera firmeza, estrutura, estabilidade, constância, segurança e proteção.
 
Precisamos ser discípulos discipuladores, ter alguém que nos seja modelo, que esteja cuidando de nós com a finalidade de proteger nosso coração. Da mesma forma precisamos também refletir na vida de outros sendo modelo para eles, isto é, ser apascentado para apascentar, ser discípulo para discipular. Existem muitas pessoas dentro da igreja que sofrem e lutam para vencer as tentações, pessoas que tem áreas de fraquezas e precisam compartilhar com alguém de confiança para que ao confessarem, sejam libertos, curados e fortalecidos para vencer e ser feliz. Em Tiago 5:16 diz: confessai, pois os vossos pecados uns aos outros, e orai uns pelos outros, para serdes curados.
 
Este texto de Tiago fala da cura física e emocional, isto é, cura do corpo e da alma. Isso só será possível através do discipulado onde alguém maduro e comprometido com o Senhor, esteja cuidando de mim a cada dia, desta forma o meu coração estará guardado e refletindo coisas boas em todas as áreas da minha vida.
 
Existem muitas revelações na bíblia sobre a igreja: A igreja como a noiva de Cristo, a igreja como servo, a igreja como corpo de Cristo, a igreja como filho de Deus; mas a revelação mais desafiadora é a igreja como Corpo! Pois quando entendemos a exigência desta revelação, nos tornamos dependentes uns dos outros, aprendemos a conviver! Esta revelação manifesta o poder de Deus na nossa vida através dos ministérios, dos dons da graça e dons do Espírito Santo!
 
Precisamos desenvolver relacionamentos profundos e de confiança com os nossos discípulos; orando e meditando na Palavra juntos, tomando café de vez em quando, batendo um papo sobre vários assuntos em casa, na rua, na churrascaria ou em um laser. Isso é fundamental à vida e ao ministério! Se deixe ser discipulado, domado, seja acessível e queira refletir como espelho na vida de outros, sabemos que ensino o que sei e reproduzo o que sou. Somos uma equipe, um corpo, estamos em aliança por meio de Cristo nosso Senhor. Aleluias
 
Deus te abençoe
 
Pastor Eliezer
 
 
 

 

 
Imprimir
 
Compartilhe:
 
Comentarios:
 
TV IACC

Broadcast live streaming video on Ustream

Programação ao vivo

<p>- Domingo: 09:30hs e 18hs - Culto da Fam&iacute;lia<br />
&nbsp;</p>

 

Cultos anteriores | Canal de Videos

Redes Sociais
 Compartilhe:
 

IGREJA APOSTÓLICA CORPO DE CRISTO MINISTERIO PENHA - Tel: 2957-0551 -Email: iacc@iacc12.com.br - Endereço: Rua intiguçu 2601 - São Paulo SP Todos os direitos reservados - 2005 - 2013 - Webdesign