m12 2018
CIDADE DE DEUS
A conquista do território
São Paulo, Terça-feira, 14 de Agosto de 2018
igreja em celulasvisão celulas
Devocional
02/06/2010
A maneira bíblica de ser igreja

Texto: Efésios 2:19-22

Uma das muitas ilustrações da Igreja no Novo Testamento é o edifício. Assim como um edifício precisa ter um alicerce para ficar firme e não vacilar, assim deve ser o corpo de Cristo, a igreja, bem como a nossa vida espiritual, a nossa família, etc.
 
Em I Coríntios 3:10-11 diz que o alicerce da Igreja deve ser Cristo. Ele é a nossa base. Como um edifício a Igreja deve seguir uma planta. Nenhum construtor prudente começaria um edifício sem antes fazer uma planta. Deus é um construtor sábio e Ele nos deu a planta de sua igreja. Assim como Moisés deveria construir o tabernáculo exatamente como vira no monte, nós também não temos o direito de colocar nossas preferências pessoais na construção de Deus. Está chegando o dia em que tudo o que não foi feito segundo o modelo do monte será removido por Deus. (Ex. 25:40).
 
Toda igreja local deve ser um edifício, todavia um grupo de crentes pode se reunir aos domingos e ainda assim não ser um edifício. Para ser um edifício, as pedras devem estar unidas umas às outras, ligadas pela argamassa do Espírito, edificadas sobre um alicerce espiritual que é Cristo e organizadas dentro de um projeto do edificador que é Deus. Pedras isoladas e amontoadas aos domingos não constituem um edifício. Em um depósito de material de construção tem tudo que está no edifício, mas com uma única diferença, no edifício os materiais estão vinculados, isto é, ligados um no outro, estão bem unidos, situação que não ocorre no depósito de material de construção.
 
Percebemos que ao longo da história quando uma igreja cresce, fica difícil conciliar e manter tais vínculos. A única alternativa é edificarmos a igreja nas reuniões menores, ou seja, nas células. Uma igreja com mais de duzentas pessoas já não consegue manter vínculos satisfatórios e nem um apascentamento eficaz, precisamos dos grupos menores para estabelecer e firmar estes vínculos.
           
O corpo é outra ilustração da Igreja no Novo Testamento. A igreja é um corpo. Em um corpo a principal característica é a união dos membros expressando vida. Para ser um corpo, os membros precisam estar vinculados, ligados uns aos outros para que o sangue da vida de Deus circule entre eles. Muitas igrejas se tornaram apenas organizações, mas Deus quer edificar um organismo vivo.
 
Se somos uma organização, o máximo que conseguimos é juntar os membros como uma associação que se reúne em cadeiras enfileiradas. Não há conhecimento mútuo, não há comunhão e nem amor. É como se fosse possível o braço não conhecer a mão e esta, por sua vez, desconhecer os dedos. Naturalmente não podemos estar ligados a todos no corpo, mas quando não estamos ligados a ninguém não podemos dizer que estamos no corpo de maneira prática.
 
Onde não há vínculos não há vida. Praticam-se cerimônias frias e impessoais, sem compromisso e sem ligaduras. Isto é no máximo uma organização, nunca um organismo. Simplesmente termos células não nos farão um organismo, mas, se não termos, definitivamente nunca chegaremos lá, pois é na célula que a comunhão entre os irmãos se torna mais íntima e o apascentamento mais eficaz.
 
Vamos fazer uma breve comparação entre um organismo e uma organização. No organismo os membros estão vinculados; na organização estão associados. No organismo os membros têm funções; na organização têm cargos. No organismo cada membro tem um ministério; na organização mandatos. Na organização trabalhamos por responsabilidade ou recompensa; no organismo temos encargos de vida. Na organização a autoridade é pelo cargo; no organismo a autoridade vem pela vida e pelo reconhecimento, pois a liderança é conquistada e não imposta. Mas o principal é que a organização é algo morto e o organismo é essencialmente vivo.
           
É bom lembrar, porém, que as células podem existir em uma igreja e não fazer diferença, porque elas são o resultado daquilo que somos como igreja. Elas apenas refletem a nossa realidade espiritual. Se somos uma igreja fria, teremos células frias, se somos formais, teremos células formais, se os líderes forem imaturos, as células também serão imaturas, e assim por diante. Se não existir um processo que ajude as pessoas a crescerem, se o caráter não for tratado, se não houver cura, libertação, restauração, ensino, capacitação, treinamento, apascentamento e discipulado pessoal, teremos líderes problemáticos que causarão prejuízo no rebanho e no reino de Deus.
 
As células não são um ministério novo dentro da igreja; elas são a igreja funcionando, onde todos os membros convivem em harmonia, unidade e propósito. Não há um ministério de células, mas há ministérios nas células. Elas são uma maneira de nos organizarmos, de sermos expressivos e eficientes dentro da visão que Deus nos deu. As células são a nossa maneira de sermos igreja e, igreja deve ser uma grande família que vive o amor de Deus.
 
A consolidação, o Encontro, a escola de líderes, o discipulado, o reencontro, o encontro de santidade, etc., visam cura, libertação, crescimento e treinamento em todos os níveis na vida dos discípulos e futuros líderes de excelência. Visamos o crescimento daqueles que andam conosco para uma conquista sem igual.
Continua...
 
Deus te abençoe!
 
Pastor Eliezer
 
Imprimir
 
Compartilhe:
 
Comentarios:
 
TV IACC

Broadcast live streaming video on Ustream

Programação ao vivo

<p>- Domingo: 09:30hs e 18hs - Culto da Fam&iacute;lia<br />
&nbsp;</p>

 

Cultos anteriores | Canal de Videos

Redes Sociais
 Compartilhe:
 

IGREJA APOSTÓLICA CORPO DE CRISTO MINISTERIO PENHA - Tel: 2957-0551 -Email: iacc@iacc12.com.br - Endereço: Rua intiguçu 2601 - São Paulo SP Todos os direitos reservados - 2005 - 2013 - Webdesign